Relatório mapeia e orienta ações de combate à obesidade infantil

O documento, lançado pela Rede Nacional Primeira Infância (RNPI), traz dados e orientações sobre o tema, um problema que afeta grande parte da população brasileira e que tem atingindo crianças com menos de cinco anos de idade, comprometendo o seu desenvolvimento e a sua saúde na vida adulta.

O “Mapeamento da Obesidade Infantil”, lançado em setembro de 2014, é um instrumento importante ao seu trabalho pela Primeira Infância.

Nas oitenta páginas do documento, dados e estatísticas fazem uma radiografia do problema em todo o País.

O objetivo do estudo, além de informar, é promover o desenho de políticas públicas sustentáveis e culturalmente acessíveis, lembrando que:

“A obesidade é uma doença crônica e multifatorial caracterizada pelo acúmulo de tecido gorduroso e com risco substancial à saúde, que vem apresentando prevalências alarmantes em crianças menores de cinco anos, no Brasil”.

Por isso, a publicação reúne informações acerca do conceito de obesidade; mostra como ela já se tornou uma epidemia; define os critérios diagnósticos; os fatores de risco que estão associados ao excesso de peso na infância; quais os prejuízos à saúde da criança; os programas, políticas públicas e demais iniciativas que já existem para cuidar desse problema; os institutos e organizações, públicos e privados, especializados em programas de prevenção; as leis normativas, tanto federais como estaduais.

Tudo ilustrado com gráficos e tabelas completas, além de propostas de planos de ação que podem ser adotados pelas áreas de atendimento e cuidado à criança pequena.

Vale a pena ler o documento completo. Com certeza, muitos dados e conteúdos poderão ajudá-lo no seu trabalho junto aos profissionais e às famílias da criança pequena. Confira!

Comments

4
  1. avatar

    Sou médico e trabalho com ações na obesidade infantil em Aracaju ,gostaria de receber os dados epidemiológicos do relatório do Vidigal 2014
    Grato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*